quarta-feira, 29 de junho de 2016

A matéria dos sonhos, de Valéria Martins - Editora Jaguatirica

A matéria dos sonhos, de Valéria Martins
É sempre uma grata surpresa quando encontramos um(a) autor(a) nacional que nos apresenta uma obra de qualidade. A matéria dos sonhos, da autora parceira Valéria Martins, publicado pela Editora Jaguatirica, foi um desses casos. Eu já havia me encantado pela premissa da obra quando li a sinopse pela primeira vez, mas devo confessar que a leitura do livro superou as minhas expectativas, dada a beleza da narrativa e a intensidade dos sentimentos despertados, desde a primeira até a última página. Além disso, os personagens estimulam a nossa empatia, o que ajuda muito no envolvimento do leitor com a obra. 

O livro traz a história de Mariana, menina rica, criada com luxo e conforto e filha de um advogado muito bem sucedido. A família era do Rio de Janeiro e a moça frequentava as mais altas rodas, o que a levou a conhecer o herdeiro de uma empresa de alumínio, Gustavo. Logo os dois iniciam um relacionamento, que os levou ao noivado e a uma data marcada para o casamento. Porém, eu seu coração, Mariana pressentia que algo não estava bem. Tinha dúvidas quanto ao seu futuro ao lado de Gustavo. Ela o amava muito, mas sentia-se profundamente insegura em relação a este relacionamento. Mariana não era uma jovem de muitas amizades, limitando-se mais a acompanhar o noivo em seus programas. 

Ao receber o convite para o chá de bebê de uma colega da universidade, Mariana pensa em ir com Gustavo, mas ele declina do convite, dizendo à moça que tem um compromisso com amigos. Mariana resolve ir sozinha ao chá, onde conhece uma garota chamada Cláudia, que a faz refletir sobre o modo como tem vivido até então. Cláudia é uma jovem livre, que vive viajando e planejando novas viagens, coisa que Mariana não se permite fazer, dando-se conta de que nem mesmo o seu próprio país ela conhece. Na manhã seguinte ao chá de bebê, Mariana descobre, através de fotos que circulam pela internet, que o noivo havia saído com outra mulher. Obviamente, ao ser cobrado, Gustavo nega o envolvimento com a moça, porém, após algum tempo, rompe o compromisso com Mariana. 

Não é preciso dizer, pois dá para imaginar o quanto Marina ficou arrasada com o rompimento. Para superar a dor da perda, a moça resolve seguir a sugestão de seu irmão e viaja para conhecer a Chapada Diamantina. É lá que ela reencontra Cláudia e conhece Alex, seu guia turístico, por quem se sente profundamente atraída. Mariana simplesmente encanta-se pelo lugar magnífico. Um novo amor e uma nova amizade são estímulos que a ajudam a recomeçar. Enquanto Mariana processa a sua dor e passa pela sua transformação, nós, leitores, temos a oportunidade de refletir sobre a nossa própria vida. Sobre como, por vezes, nos acomodamos a determinadas situações, quando uma mudança poderia nos trazer felicidade. Ao viajar para a Chapada Diamantina, a nossa protagonista empreende uma viagem ao seu eu mais profundo. Posso dizer que a leitura de A matéria dos sonhos  foi muito agradável e gratificante. Valéria Martins escreve lindamente, com um texto limpo e bem estruturado. A descrição das paisagens é magnífica, quase como uma viagem real. Sem nenhuma sombra de dúvidas, é uma leitura que vale a pena, e o final foi inesperado para mim. Recomendo a leitura!

"Acho que o sonho já nasce com a gente, mas temos que escutá-lo, reconhecê-lo, valorizá-lo e acreditar nele. Se não acreditarmos, ninguém mais vai acreditar. Nós somos a matéria dos sonhos. Nós lhe damos vida, corpo e alma." 


A matéria dos sonhos, de Valéria Martins

Para comprar: Cultura | Amazon